As regras da Liga Portuguesa de Futebol Profissional dizem que, para um jogador ser considerado campeão nacional tem de ter, pelo menos, 1 minuto de jogo jogado dentro das quatro linhas.

O sistema muda de país para país, e de liga para liga. Em Inglaterra, por exemplo, um jogador só tem direito a receber medalha de campeão caso cumpra 5 jogos pela sua equipa. Em Portugal bastam 60 segundos.

“Chegámos, marcámos, ganhámos e vamos embora”. O ‘tetra’ com selo de Vitória
“Chegámos, marcámos, ganhámos e vamos embora”. O ‘tetra’ com selo de Vitória
Ver artigo

No caso do Benfica, que se sagrou campeão nacional no sábado passado, há 5 jogadores que, até ao momento, não terão direito a serem medalhados, oficialmente, pela Liga. São eles o guarda-redes Paulo Lopes, o defesa direito Pedro Pereira, o defesa central Kalaica e os defesas esquerdos Hermes e Yuri Ribeiro.

Muitas vezes acontece que, quando uma equipa assegura o título antecipadamente, muitos destes jogadores sem qualquer minuto jogado durante o campeonato tenham direito a jogar o último jogo como forma de recompensa pelo papel desempenhado no balneário, no caso dos mais velhos, ou como incentivo às jovens promessas, no caso dos mais novos.

Ser campeão com menos de 30 minutos de jogo

Partindo da incógnita acerca da utilização dos cinco jogadores acima referidos, há alguns atletas que, especialmente no início da época, foram lançados em campo por Rui Vitória. Em comum, têm o facto de não ter conseguido conquistar espaço entre as opções do técnico ribatejano.

José Gomes e Luka Jović, dois jovens avançados, foram utilizados menos de meia hora, cada um, (21 e 9 minutos, respetivamente), mas terão direito a medalha de campeão, como qualquer outro.

Depois de um início de época completamente integrados na equipa principal, ambos os jogadores acabaram por cumprir grande parte da época na equipa B dos encarnados.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.