Apesar de ter tido um acidente na sua última volta, que originou uma bandeira vermelha a 18 segundos do final da qualificação, Leclerc conseguiu a oitava ‘pole’ da carreira, com um tempo de 1.10,346 minutos.

Na segunda posição da grelha de partida para a corrida de domingo vai estar o holandês Max Verstappen (Red Bull), a 230 milésimos de Leclerc.

O finlandês Valtteri Bottas foi o melhor dos Mercedes, na terceira posição, a 255 milésimos, com o espanhol Carlos Sainz (Ferrari) a fechar a segunda linha da grelha, depois de ter gastado mais 265 milésimos do que o seu companheiro de equipa.

Campeão do mundo e líder destacado do Mundial de pilotos, Lewis Hamilton só conseguiu o sétimo melhor tempo da derradeira fase da qualficação, a 749 milésimos de Leclerc.

Com quatro provas disputadas, Hamilton lidera o Mundial com 94 pontos, mais 14 do que Verstappen.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.