O ‘capitão’ da seleção lusa marcou aos 17, 33 e 88 minutos, o primeiro na transformação de uma grande penalidade, passando a contar cinco golos na prova, depois de apenas ter marcado por duas vezes nas nove primeiras rondas.

O Alavés adiantou-se logo aos sete minutos, pelo ex-Belenenses Deyverson, mas, aos 17, Ronaldo empatou de penálti, após mão do brasileiro na área, na sequência de um livre apontado pelo galês Gareth Bale.

Aos 33 minutos, Ronaldo selou a reviravolta, com um remate de fora da área que desviou em Feddal e traiu o guarda-redes Fernando Pacheco, que, aos 79, defendeu um segundo castigo máximo ao português, mantendo a sua equipa na ‘corrida’.

Mas, aos 84, o suplente Alvaro Morata acabou mesmo com o jogo, após assistência do brasileiro Marcelo, que, aos 88, ainda ofereceu o ‘hat-trick’ a Ronaldo.

Com este triunfo, o Real Madrid passou a somar 24 pontos, mais três do que o Sevilha, que, com Daniel Carriço em campo, ficou-se por um empate a um em Gijón, onde se adiantou aos quatro minutos, pelo argentino Luciano Vietto, permitindo a igualdade aos 20, selada por Moi Gómez.

O FC Barcelona, que hoje recebe o Granada, e o Villarreal, de visita domingo ao reduto do Eibar, somam ambos 19 pontos e podem ultrapassar o Sevilha, enquanto o Atlético de Madrid (recebe o Málaga) pode igualar os andaluzes.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.