Em comunicado, a formação de Albergaria-a-Velha esclarece que o ciclista português sofreu “um traumatismo craniofacial com lesões faciais que exigiram sutura, um traumatismo toracoabdominal, um hematoma grande, com pressão no interior da embalagem do músculo quadríceps direito, com suspeita de rutura parcial dos rectus femoris, e um hematoma intra-articular no joelho direito, que faz suspeitar o envolvimento dos ligamentos cruzados”.

No domingo, Edgar Pinto caiu na aproximação à meta em Castelo Branco, ponto final de uma tirada de 214,7 quilómetros desde Reguengos de Monsaraz.

O líder da LA Alumínios-Metalusa-Blackjack, um dos candidatos à vitória final, já foi transferido para o Hospital de Aveiro, depois de ter passado a noite no de Castelo Branco.

O corredor de Albergaria-a-Velha, de 31 anos, tem um longo historial de quedas na Volta a Portugal, tendo, contudo, sido quarto classificado em 2013 e quinto em 2014.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.