O candidato ao Conselho Superior revelou-se surpreso com o número de sócios que votaram no primeiro dia e garantiu que "este cenário vai fortalecer o FC Porto".

"Mais do que surpreendido, estou satisfeito. Significa que os sócios estão empenhados em participar nos momentos importantes do clube. É uma situação de agrado ver este grande nível de participação", afirmou, ao exercer o direito ao voto na Dragão Arena.

Miguel Brás da Cunha admitiu que “se houvesse pouca participação, poderia ser perigoso para o clube".

“O FC Porto sai sempre fortalecido. É impossível não sair fortalecido um clube que tem este nível de adesão dos sócios. Se tivéssemos participação pequena, seria perigoso para o clube. Mas um clube que tem este nível de participação, que tem sócios a votarem de forma tão ordeira, sairá certamente fortalecido. No dia 08, o FC Porto será certamente mais forte", sublinhou.

Sobre o resultado final das eleições, o candidato acredita que expressará “a vontade dos sócios".

"Basta olhar para as filas para ter a certeza que o resultado que se verificar será a expressão fiel da vontade dos sócios. Isso é o mais importante. E mais importante também é salientar que estas eleições, pela democraticidade, pela elevação com que têm corrido, pela correção com que têm corrido, são também um espelho do que é o FC Porto. Tenho a certeza que o que resultar das eleições será o resultado da vontade dos sócios", concluiu.

As eleições do FC Porto decorrem durante este fim de semana no Dragão Arena e têm quatro listas a concorrer: a lista A, liderada por Pinto da Costa, a lista B, encabeçada por Nuno Lobo, a lista C, de José Fernando Rio, e a lista D, que se candidata apenas ao Conselho Superior, liderada por Miguel Brás da Cunha.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.