Vilda colocou de forma direta uma ‘esponja’ nos jogos de apuramento que a Espanha realizou com Portugal (vitórias por 2-0 e 4-1) na campanha para o campeonato da Europa, em que venceu os oito encontros de qualificação.

“(Portugal) É uma equipa que de ano para ano está melhor, a cada temporada está melhor. Tem muito mérito no que tem feito, tem mais jogadoras e mais inscritas. Amanhã (quarta-feira), será o nosso jogo mais difícil de sempre face a Portugal”, sublinhou.

O treinador disse ainda que a seleção lusa tem um grupo uniforme, “tanto no ataque, como na defesa”, com jogadoras rápidas, mas que a Espanha quer ganhar e que precisa para isso de “empenhar-se a 100 por cento”.

O selecionador espanhol foi também convidado a comentar a detenção do presidente da Federação espanhola de futebol, Angel Maria Villar, por alegada corrupção, mas evitou o assunto.

“Sabemos, mas estamos concentrados no jogo de amanhã (quarta-feira), só pensamos nisso”, referiu.

Será a terceira vez que a Espanha estará num Europeu de futebol, num momento em que é sétima no ‘ranking’ da UEFA e 13.ª no da FIFA.

“O nosso trabalho é estar mais perto das grandes equipas e potências. Há outras seleções com mais experiência, mas fizemos uma qualificação brilhante e chegamos com muita ambição”, acrescentou.

Portugal e Espanha defrontam-se na quarta-feira no Estádio De Vijverberg, em Doetinchem, num jogo que terá arbitragem da sueca Pernilla Larsson e tem início marcado para as 18:00 locais (17:00 em Lisboa).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.