"A história não se repete. Isso aconteceu há quatro anos (final do Euro2016 com Portugal). Será uma partida da fase de grupos e não uma final. Eles venceram essa final e não podemos fazer nada. Agora, será outro contexto. Também tínhamos o hábito de perder com a Alemanha e desde 2014 que tudo mudou. Não penso nesse tipo de coisas", afirmou Didier Deschamps.

O selecionador francês falava aos jornalistas em Bucareste, após o sorteio da fase final do próximo Europeu, que juntou no grupo F Portugal, Alemanha e França e uma seleção vinda do 'play-off'.

"É um grupo difícil, mas acho que o Joachim Low e o Fernando Santos pensam a mesma coisa. É o grupo mais difícil, mas temos que aceitá-lo. A Alemanha terá a vantagem de jogar em casa. Obviamente, é um grupo complicado no papel, dada a qualidade desses dois adversários e seus recentes resultados a nível europeu e mundial", disse.

A fase final realiza-se de 12 de junho a 12 de julho, em 12 cidades, de 12 países, com arranque no Estádio Olímpico de Roma e fase final no Estádio de Wembley, em Londres, que será palco das meias-finais e da final.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.