No comando técnico da seleção portuguesa, Fernando Santos conquistou em 2019 a Liga das Nações da UEFA e, não obstante a concorrência do brasileiro Tite e do espanhol Roberto Martinez, selecionadores do Brasil e da Bélgica, respetivamente, foi o mais votado por especialistas do futebol e por jornalistas de 90 países de todos os continentes do mundo.

Fernando Santos recebeu 112 pontos, mais 10 do que Tite, mais 15 do que Roberto Martinez e mais 25 do que o vencedor do ano passado, o selecionador francês Didier Deschamps.

Com esta distinção, Fernando Santos passa a ser, a par do alemão Joachim Low, o segundo selecionador no ‘ranking’ do prémio com dois troféus, só atrás do antigo selecionador espanhol, Vicente Del Bosque, que venceu por quatro vezes o prémio desde 1996.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.