Filipe Lima, que se encontrava ‘afundado’ no 38.º posto no arranque para esta última volta, efetuou 66 pancadas hoje e deu um grande salto na classificação, terminando no 11.º posto com um agregado de 285 pancadas, a sete pancadas do vencedor, o italiano Francesco Laporta.

Com este resultado, Filipe Lima falhou a subida ao European Tour, acessível aos 15 primeiros do ‘Challenge’, uma vez que acaba a temporada no 20.º lugar, mas ainda tem uma última oportunidade, quando competir na semana que vem na Escola de Qualificação.

A fase final da Escola de Qualificação joga-se de 15 a 20 de novembro, no Lumine Golf Club, em Tarragona, Espanha, uma prova em que os 25 primeiros e empatados recebem a categoria 16 de membros do European Tour para 2019.

“Não tenho explicações, a volta mais difícil era hoje, ainda por cima com o tempo que se fez sentir, mas correu bem. Ir ao ‘tour’ era o objetivo e ainda tenho uma chance, pelo que vou descansar e ver como estou para a semana”, disse o jogador luso, em declarações à página ‘Tudo sobre golfe’.

Filipe Lima reconheceu que a Escola de Qualificação para o European Tour, que decorre para a semana, “é muito difícil”.

“A escola é muito difícil, seis voltas, por isso fazer planos é muito difícil, mas vou lá tentar o melhor e depois vê-se”, acrescentou.

Depois de ter efetuado a melhor prestação na terceira volta, a melhor de todo o torneio, com 65 pancadas, Ricardo Santos voltou a estar uns ‘furos’ abaixo, tendo hoje efetuado 75 pancadas, quatro acima do par do campo, terminando no 21.º posto com 288.

Apesar deste resultado, Ricardo Santos já tinha garantido a subida ao European Tour, no qual permanece Ricardo Melo Gouveia.

A Grande Final do ‘Challenge Tour’ foi conquistada por Laporta, com um agregado de 278 pancadas, menos duas do que o duo de segundos classificados, formado pelo francês Robin Sciot-Siegrist e pelo alemão Sebastian Heisele.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.