Nascido em 11 de maio de 2000, Tsunoda, terceiro classificado no campeonato de Fórmula 2 este ano, vai pilotar o monolugar equipado com um motor Honda, que vai deixar a Fórmula 1 no final de 2021, fazendo equipa com o francês Pierre Gasly.

“A Red Bull segue a carreira de Yuki há algum tempo e, agora, estou certo de que será uma grande mais-valia para a nossa equipa”, afirmou Franz Tost, responsável pela equipa satélite da Red Bull, que detém o recorde do mais jovem piloto na competição desde 2009, quando o espanhol Jaime Alguersuari disputou o Grande Prémio da Hungria com 19 anos, quatro meses e três dias.

No mesmo comunicado da escuderia italiana, Tsunoda assumiu-se “muito orgulhoso” com a “oportunidade”, agradecendo o convite à AlphaTauri, à Red Bull e ao seu patrão, Helmut Marko.

Natural de Kanagawa, na região de Tóquio, Tsunoda que é mais um dos ‘produtos’ dos programas de desenvolvimento da Honda, prometeu “conduzir as esperanças dos muitos adeptos japoneses de Fórmula 1″.

Yuki Tsunoda vai ser o 18.º piloto japonês no ‘Grande Circo’, o primeiro desde 2014, quando Kamui Kobayashi disputou o Mundial ao serviço da Caterham.

Na terça-feira, o japonês alcançou o quinto melhor tempo nos testes de pós-temporada para ‘rookies’, em Abu Dhabi, juntamente com o alemão Mick Schumacher (Haas), filho de Michael Schumacher, sete vezes campeão do mundo, que venceu o título de Fórmula 2.

Nestes treinos, o melhor tempo foi registado pelo espanhol Fernando Alonso, campeão do mundo em 2005 e 2006, que integrou a sessão por estar de regresso à Renault [que vai designar-se Alpine em 2021].

Kvyat, 11.º no Mundial de 2020, que tem como melhor resultado o sétimo lugar em 2015, está sem equipa para a próxima temporada, depois de seis anos na Fórmula 1.

Em 2014, o russo ascendeu à Fórmula 1 através da Toro Rosso, substituindo o australiano Daniel Ricciardo, em detrimento do português António Félix da Costa, que também integrava o programa de jovens pilotos da Red Bull.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.