A formação madrilena adiantou-se no marcador por intermédio de Diego Costa, aos 26 minutos, antes de o avançado luso dilatar a vantagem e consumar o triunfo do Atlético, aos 65, num remate que ainda desviou num defesa do Maiorca e enganou o guarda-redes Manolo Reina.

Félix seria rendido por Marcos Llorente a sete minutos do final, já depois de os ‘colchoneros’ terem ficado reduzidos a 10 elementos, por expulsão de Álvaro Morata, que viu dois cartões amarelos no espaço de um minuto, após um desentendimento com um adversário.

Com este triunfo, o Atlético de Madrid isolou-se, provisoriamente, no primeiro lugar do campeonato, com 13 pontos, mais um do que o Athletic Bilbau, que empatou 1-1 no terreno do lanterna-vermelha Leganés.

Raúl Garcia colocou a equipa basca na frente aos 59 minutos, na conversão de uma grande penalidade, só que a vantagem durou apenas dois minutos, já que Óscar Rodríguez empatou o jogo aos 61, num livre direto cobrado de forma exímia.

O lateral esquerdo internacional português Kévin Rodrigues foi titular no Leganés e completou os 90 minutos.

Ainda hoje, o Real Madrid, que tem 11 pontos, pode ‘destronar’ o Atlético de Madrid da liderança, caso vença na receção ao Osasuna.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.