"Tem sido uma adaptação e um conhecer de ideias que são positivas. Tentamos interiorizar as ideias e as mensagens do ‘mister’ e também conhecer-nos da melhor maneira. Têm sido positivos estes primeiros tempos", assegurou, falando sobre o trabalho do técnico holandês.

O Sporting ocupa o segundo lugar no Grupo E, com sete pontos, mais quatro do que o Vorskla Poltava e do que o Qarabag, empatados no último posto com três pontos, com uma vitória a garantir a qualificação para a próxima fase, na qual já figura o Arsenal, que lidera com 10 pontos, mas o empate poderá bastar caso os ingleses vençam os ucranianos.

Os métodos de Keizer estão a ser assimilados, pelo que “poderá começar a surgir uma ou outra diferença” na forma de atuar.

“Com o tempo, as ideias serão cimentadas. Mais importante é a responsabilidade que existe, é a grandeza do clube que representamos. Vamos entrar no jogo cientes do que queremos fazer, vencer”, vincou.

Do Qarabaq, o defesa espera um rival semelhante à que atuou em Alvalade, “com a mesma matriz de jogo”, num adversário que “gosta de jogar à bola e é rápida nas transições”

André Pinto vai substituindo eixo da defesa Mathieu, um dos castigados, além do argentino Acuña - Raphinha, Ristovski, Bataglia e Montero estão lesionados.

“A ideia de uma grande equipa como o Sporting, que tem um plantel vasto, tem opções... Quem entrar amanhã [quinta-feira] vai atingir o objetivo que passa pela vitória", concluiu.

O árbitro checo Petr Ardeleanu foi nomeado pela UEFA para a visita do Sporting aos azeris do Qarabag, na quinta-feira, às 17.55 (horas de Lisboa), na quinta jornada da Liga Europa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.