O piloto luso foi o sétimo mais rápido na primeira sessão do dia, disputada com chuva, melhorando cerca de dois segundos à tarde, numa sessão disputada com sol, mas com o piso ainda molhado.

“Foi um dia com condições de chuva. Senti-me bem com a mota desde o início”, explicou o piloto português.

Miguel Oliveira concluiu a jornada de treinos com o registo de 1.42,591 minutos, ficando a 1,286 segundos do mais rápido do dia, o australiano Jack Miller (Ducati).

Por isso, o piloto de Almada espera manter o bom registo na terceira sessão, este sábado, de forma a garantir a passagem direta à segunda fase da qualificação, para o qual se apuram os dez mais rápidos dos treinos livres.

“Teremos de ser rápidos a adaptar-nos às condições de pista nos terceiros treinos livres para conseguirmos qualificar-nos diretamente para a Q2”, concluiu Miguel Oliveira.

O GP da Emilia Romagna é a 16.ª de 18 provas do calendário de 2021 do Mundial de MotoGP.

Miguel Oliveira chega a esta jornada no 10.º lugar, com 92 pontos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.