A notícia de que Rui Vitória estava na porta de saída começou a circular ao final desta quinta-feira na comunicação social, mas agora o seu afastamento foi oficializado pelo clube num curto comunicado enviado à CMVM.

O comunicado na íntegra:

A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa, nos termos e para o efeito do disposto no artigo 248.º-A do Código dos Valores Mobiliários, que chegou a um princípio de acordo com o treinador Rui Carlos Pinho da Vitória para a rescisão do contrato de trabalho desportivo com efeitos imediatos.

No site oficial, a estrutura encarnada, também em comunicado, agradece a Rui Vitória pelo "valioso e meritório trabalhado efetuado" e anuncia que "a orientação da equipa principal do Sport Lisboa e Benfica será assegurada de imediato e provisoriamente pelo treinador Bruno Lage", pode ler-se.

Um dia depois do desaire por 2-0 no reduto do Portimonense, Rui Vitória deixa o Benfica no quarto lugar da I Liga, nos 16 avos de final da Liga Europa, nos quartos de final da Taça de Portugal e na ‘final four’ da Taça da Liga.

A saída do técnico de 48 anos esteve para acontecer em finais de novembro após o desaire sofrido (5-1) na Alemanha, frente ao Bayern Munique, em jogo a contar para a Liga dos Campeões, mas "um feeling" de Luís Filipe Vieira impediu que se chegasse a consumar.

Rui Vitória deixa assim os encarnados, depois de três épocas e meia e seis títulos (2 Campeonatos, 1 Taça de Portugal, 2 Supertaças e 1 Taça da Liga).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.