Ainda sem o brasileiro Neymar e o uruguaio Cavani, ambos lesionados, os campeões franceses começaram a construir a 22.ª vitória na prova e a quarta seguida aos 40 minutos, por intermédio de Christopher Nkunku.

No segundo tempo, sobressaiu o 'génio' do internacional francês Kylian Mbappé, que aumentou a contagem aos 69 minutos, antes de fechar o marcador aos 89, reforçando o estatuto de melhor marcador da ‘Ligue 1’, com 22 golos.

O Paris Saint-Germain, que somou o 14.º triunfo em 14 jogos em casa, continua no primeiro lugar, com 68 pontos, mais 17 do que o segundo classificado, o Lille, que na sexta-feira empatou 1-1 no terreno do Estrasburgo, e mais 22 do que o terceiro, o Lyon, sendo que os parisienses ainda têm um jogo em atraso.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.