“A expectativa para o jogo da Liga dos Campeões é sempre pela positiva, esperar vencer, e mais uma vez assim acontecerá. Sabemos que é difícil, contra uma das grandes equipas europeias. Estamos em desvantagem até por factos alheios ao próprio jogo, mas vamos acreditar sempre e é com esse espírito que estaremos na quarta-feira”, afirmou Pinto da Costa.

Os ‘dragões’ perderam em casa do Liverpool, por 2-0, na primeira mão, recebendo os ‘reds’ na quarta-feira.

“A perspetiva é sempre vencer, sabemos que é difícil, porque o Liverpool é uma das grandes equipas europeias. Estamos em desvantagem, mas vamos sempre acreditar. É com essa ideia que vamos a jogo”, afirmou.

À margem da inauguração da exposição da secção de bilhar no Museu do FC Porto, Pinto da Costa disse que não acha “normal nem anormal” a nomeação do árbitro holandês Danny Makkelie para o jogo da segunda mão, pois “seja holandês, chinês ou espanhol”, espera que “atue dentro da normalidade e que siga as regras”.

“Agora o que acho é que o que se passou em Liverpool foi nefasto demais para poder aceitar de cara alegre, ainda por cima numa prova tão importante como a ‘Champions League’ e que já está nos quartos de final”, disse ainda.

Depois do jogo em Liverpool, Pinto da Costa defendeu que Mohamed Salah deveria ter sido expulso, por uma entrada sobre Danilo Pereira, e que ficou um penálti por assinalar a favor da equipa portista.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.