A prova, que será organizada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF), e já mereceu o interesse de outros clubes como o Sporting, Marítimo ou Sporting de Braga, tem, segundo os responsáveis do emblema vila-condense, algumas premissas que se enquadram na filosofia do Rio Ave.

"Visão estratégica de conjunto; maior proximidade entre todos no desenvolvimento dos atletas formados localmente, plataforma altamente motivadora para jogadores com potencial elevado; interação permanente com a equipa principal", foram os pontos enaltecidos, em comunicado, pelo clube nortenho.

No mesmo texto, os responsáveis do Rio Ave consideram que "os moldes apresentados para o campeonato sub-23 são muito positivos ao promoverem a competição, dando-lhe visibilidade, qualidade e geradora de receita".

Além disso, os vila-condenses entendem que esta nova prova promovida pela FPF "irá suprir um hiato competitivo pós término do percurso de formação até à profissionalização, bem como contribuir de forma decisiva na valorização dos atletas formados no clube".

O Rio Ave iniciou esta temporada um projeto de equipa B, que atualmente compete nos campeonatos distritais, no principal escalão da Associação de Futebol do Porto.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.