Aos 90+5 minutos, o avançado equatoriano e ex-jogador do Sporting Felipe Caicedo, que havia entrado aos 54, rodou sobre Bonucci e bateu Szczesny, assistido pelo argentino Joaquín Correa, castigando uma ‘Juve’ que só defendeu na segunda parte.

A campeã Juventus até começou bem e marcou logo aos 15 minutos, por Ronaldo, que desviou na pequena área, sem ninguém pela frente, um centro da direita do colombiano Quadrado, voltando a fazer o que já conseguira nos outros três jogos disputados, face a Sampdoria, Roma e Spezia.

Na primeira parte, o jogador luso, de 35 anos, poderia ter marcado mais duas vezes, mas, aos 43 minutos, acertou no poste esquerdo e, aos 45, viu Reina parar-lhe um livre direto.

Com o sexto golo na prova, Cristiano Ronaldo juntou-se a Andrea Belotti (Torino) no segundo lugar da tabela dos marcadores, apenas atrás do veterano Zlatan Ibrahimovic (AC Milan), de 39 anos, que já faturou sete vezes, também em apenas quatro jogos.

Cristiano Ronaldo acabou por ser substituído, aos 76 minutos, pelo argentino Paulo Dybala, pelo que já não assistiu em campo ao golo de Caicedo.

Na classificação, a Juventus é, provisoriamente, terceira classificada, com 13 pontos, em sete jogos, contra 16 do líder AC Milan, que recebe ainda hoje o Verona. Por seu lado, a Lazio subiu para o grupo dos quintos, com 11.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.