O jovem da UAE Emirates ‘sprintou’ mais do que o camisola amarela, o seu compatriota Primoz Roglic (Jumbo-Visma), no topo da contagem de categoria especial, com os dois a cortarem a meta com o tempo de 04:34.13 horas. O australiano Richie Porte (Trek-Segafredo) chegou cinco segundos depois, concluindo os 174,5 quilómetros entre Lyon e o Grand Colombier na terceira posição.

A inédita chegada ‘condenou’ o campeão em título, o colombiano Egan Bernal (INEOS), que perdeu mais de sete minutos para o duo de eslovenos e está fora da luta pela vitória final.

Roglic vai passar o segundo dia de descanso da 107.ª edição vestido de amarelo, com 40 segundos de vantagem sobre Pogacar, enquanto Rigoberto Úran (Education First) sucede ao seu compatriota Bernal como terceiro da geral, a 01.34 minutos do esloveno da Jumbo-Visma.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.