Segundo um comunicado da Associação Automóvel de Portugal (ACAP), em maio foram matriculados em Portugal 4.403 automóveis ligeiros de passageiros novos elétricos, ‘plug-in’ e híbridos elétricos, menos 0,2% que no mesmo mês de 2021.

Já entre janeiro e maio, as matrículas deste tipo de veículos totalizaram 22.030 unidades, um aumento de 26,4% relativamente ao período homólogo.

O crescimento deveu-se, sobretudo, ao aumento das vendas de ligeiros de passageiros elétricos (BEV, na sigla inglesa, para ‘Battery Electric Vehicle’) que em maio aumentaram em 48,4% em termos homólogos, para 1.278.

Tendo em conta os primeiros cinco meses do ano, a subida homóloga nas vendas de BEV foi de 77,9%, tento totalizado 5.985 veículos.

Os dados da ACAP indicam ainda que os ligeiros de passageiros do tipo híbrido ‘plug-in’ caíram 15,9% em maio em termos homólogos, para 1.237 veículos, tendo registado, no entanto, um aumento homólogo em 1,5% nos primeiros cinco meses, para 6.377 veículos.

Quanto aos ligeiros híbridos elétricos, verificou-se uma descida de 9,4% em maio relativamente ao mês homólogo, para 1.888 matrículas, mas um crescimento de 24,2% de janeiro a maio face ao mesmo período de 2021, para 9.668.

Por sua vez, no mercado de ligeiros de mercadorias de elétricos, ‘plug-in’ e híbridos elétricos, registou-se uma evolução positiva de 70% em maio face ao mês homólogo, com 51 unidades matriculadas.

Em termos acumulados, os ligeiros de mercadorias deste tipo atingiram 317 unidades, um crescimento de 256,2% face ao mesmo período de 2021.

Segundo a ACAP, em maio verificou-se um aumento de 63% nas matrículas de veículos ligeiros de mercadorias novos elétricos (BEV) em comparação com o mesmo mês de 2021, mas em termos acumulados, houve uma queda de 275,6% face aos primeiros cinco meses de 2021.

Quanto ao mercado de pesados, que engloba os tipos de passageiros e de mercadorias, em maio não se verificou qualquer tipo de variação uma vez que não foram matriculados veículos elétricos. Em termos acumulados, de janeiro a maio, não se verificam alterações existindo apenas uma unidade matriculada.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.