Em comunicado enviado à agência Lusa, a autarquia refere que o EatTasty, nome da empresa que embora tenha origem no Minho só atua na área da grande Lisboa, teve um "impressionante registo de crescimento de 434% entre abril de 2018 e março de 2019 e previsão de faturação recorde".

Segundo a autarquia, a empresa "marca pela diferença" no negócio de confeção e entrega de almoços caseiros no local de trabalho e quer duplicar a atual equipa de oito colaboradores para começar a operar no mercado madrileno, a partir do terceiro trimestre de 2019.

"Decidimos aventurar-nos em Madrid porque queremos provar que o nosso modelo de negócio é escalável. O nosso sonho é tornar a EatTasty numa empresa internacional e ter pessoas dos quatro cantos do mundo a deliciarem-se com a nossa comida", afirma no texto um dos fundadores da empresa, Rui Costa.

Segundo responsável as previsões para 2019 apontam para um volume de negócios superior a um milhão de euros.

A EatTasty serve mais de 600 refeições todos os dias, na área da Grande Lisboa, mas, aponta a câmara de Famalicão em Madrid quer alcançar as mil refeições diárias, "muito rapidamente". "É muito gratificante vermos a empresa com um crescimento assinalável. Só nos dois primeiros meses deste ano vendemos cerca de 23 mil refeições, quatro vezes mais do que no mesmo período do ano passado", sublinha Rui Costa.

"Ao longo dos três anos de existência, a empresa de Rui Costa e Orlando Lopes já vendeu mais de 140 mil refeições e conta com um investimento superior a 370 mil euros", lê-se.

O comunicado desenvolve ainda que "o conceito e modelo de negócio são inovadores. Todas as receitas são criadas por um ‘chef' e produzidas com ingredientes frescos em cozinhas certificadas", sendo que as encomendas podem ser feitas do site ou através da app.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.