Não te esqueças de subscrever a nossa newsletter aqui.

Também estamos no Instagram! Segue-nos em @vaisgostardisto, página que vamos utilizar para acompanhar o dia a dia do mundo na cultura pop.


Tentativa e Erro

Não podia falar de filmes românticos e não incluir pelo menos um do realizador britânico Richard Curtis que, entre muita coisa, fez “O Amor Acontece”, “Quatro Casamentos e um Funeral”, “Notting Hill” e “O Diário de Bridget Jones”. Em “About Time”, disponível na Netflix, Curtis decidiu brincar com a ideia de viajar no tempo. Quando faz 21 anos, Tim descobre que na sua família os homens têm o poder de regressar ao passado e reviver ou mudar situações pelas quais já passaram antes. Como está à procura da primeira namorada a sério, esta descoberta vem mesmo a calhar, dado que fica tudo mais fácil porque pode repetir o seu engate as vezes que quiser até acertar na abordagem correta, quase como se fosse um nível difícil de um videojogo. Certo?!

Não é bem assim e Tim vai perceber que voltar atrás no tempo também tem as suas consequências negativas, nomeadamente quando apaga momentos que tinham corrido bem “à primeira”. Um desses momentos foi precisamente um encontro às cegas com Mary, uma rapariga pela qual se apaixonou. Agora vai ter de usar o seu “poder” para forçar a espontaneidade do momento em que conheceu o amor da sua vida e tentar construir a relação perfeita.

AQVGD – edição 86 – About Time AQVGD – edição 86 – About Time

Juntos pela música

As grandes histórias de amor costumam acontecer só nos filmes, mas “Walk The Line” aconteceu tanto no grande ecrã como na vida real. Johnny Cash e June Carter foram dois ícones musicais dos EUA no século XX e o seu romance foi tão badalado como as suas carreiras. Os dois conheceram-se já em idade adulta e quando estavam comprometidos com outras pessoas. Cash estava no início da sua carreira, enquanto June já tinha créditos firmados na indústria musical. Os dois ficaram próximos quando começaram a fazer uma tour juntos e a tocar em diferentes cidades. A popularidade de Cash explodiu e este tornou-se conhecido em todo o lado, mas por diferentes razões o timing para que pudesse ficar com June (além do pequeno detalhe de ser casado) parecia nunca ser o certo, o que fazia com que todo o seu sucesso soubesse a pouco.

A evolução da sua relação, das suas carreiras e a forma como os seus caminhos se foram cruzando ao longo do tempo, com os seus altos e baixos, são os grandes temas deste filme, que está disponível na HBO Portugal. Um dos seus aspetos mais positivos é, como seria de imaginar, a banda sonora, com as vozes de Joaquin Phoenix (Cash) e Reese Witherspoon (Carter), que acabou por vencer um Grammy.

Amizades coloridas

Não seria uma lista para o Dia dos Namorados se não incluísse uma comédia romântica típica à qual o mundo de Hollywood nos habituou. Em “Friends with Benefits”, disponível na Netflix, Dylan e Jamie vivem em pontas opostas dos EUA: o primeiro gere um site em Los Angeles, enquanto a segunda é uma headhunter em Nova Iorque. Quando Dylan recebe uma proposta para ser diretor criativo da Revista GQ, em Nova Iorque, adivinhem quem é a pessoa responsável pelo processo de recrutamento? Indeciso sobre se deverá aceitar ou não, Dylan atravessa o país para a entrevista e caberá a Jamie convencê-lo de que a mudança é a decisão certa, ao mesmo tempo que lhe mostra aquilo que a cidade que nunca dorme tem para oferecer.

Dylan aceita o emprego e muda-se para Nova Iorque, onde Jamie é a única amiga que tem. Enquanto se conhecem melhor, os dois descobrem que partilham uma visão parecida sobre a relação que desejavam ter: algo casual, onde não tenha de haver um grande investimento emocional, mas onde se possam continuar a dar bem com a outra pessoa. Sem surpresa, não demoram muito a tentar ter esse tipo de amizade colorida que tem tudo para correr às mil maravilhas… até um dos dois querer algo mais.

AQVGD – edição 86 – Before Sunrise AQVGD – edição 86 – Before Sunrise

Amor de um dia

Não é muito normal haver filmes românticos que tenham uma sequela, e muito poucos dão direito a uma trilogia. A saga “Before”, criada por Richard Linklater, teve como primeiro filme “Before Sunrise” (Antes do Amanhecer), que foi pensado com base numa experiência pessoal do realizador. Jesse (Ethan Hawke) é um jovem norte-americano de 23 anos, sozinho no Velho Continente, num comboio a caminho de Viena, onde vai apanhar o voo de regresso para o seu país, na manhã seguinte.

Aqui conheceu Céline (Julie Delpy), uma jovem francesa que estava sentada ao seu lado e com a qual decidiu meter conversa utilizando como “desculpa” os livros que cada um estava a ler. Opinião para lá, opinião para cá, a verdade é que se começam a interessar um pelo o outro e, quando o comboio para em Viena (que não era a paragem de Céline), Jesse convence-a a conhecer a cidade consigo nas menos de 24 horas restantes que têm juntos, naquele que pode ser visto como um dos engates mais épicos da história do cinema. Nem o DiCaprio fez uma destas.

Em clima de quase-romance, Jesse e Céline vão sabendo mais um sobre o outro, à medida que percorrem as ruas da cidade austríaca, e um dos aspetos originais do filme é que não é feito de altos e baixos. O diálogo entre as personagens é constante e vai evoluindo de um tema para o outro, deixando, por um lado, a dúvida de se irá acontecer alguma coisa entre elas e, por outro, no caso de acontecer, se isso muda algo no seu acordo de um dia apenas. O filme só está disponível para aluguer no MEO Videoclube e no YouTube, mas é um bom investimento.

Créditos Finais

  • Para quem não quer romance: O documentário criminal “The Vanishing at Cecil Hotel” tem o suspense e a emoção que quem gosta do género adorará ver em menos de um dia e está disponível na Netflix.
  • Watch out, Netflix: a Disney anunciou que o Disney+ já ultrapassou os 95 milhões de subscritores e o número tem tudo para aumentar ainda mais à medida que o seu cartaz de conteúdos for para além do universo da Marvel e do Star Wars (que já é bem bom).
  • Sugestão musical da semana: É esta (dica: está a fazer furor no TikTok e Reels).

➡️ Também queres dizer "Acho Que Vais Gostar Disto"?

Envia esta newsletter aos teus amigos e eles poderão subscrevê-la aqui.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.