A Eurovision Village é pensada para todos os que não conseguirem lugar nas semifinais e final da Eurovisão.

O Terreiro do Paço será palco de noites temáticas, espetáculos ao vivo, programação musical de vários géneros e para vários públicos, terá um ecrã gigante, um “Eurovision Café”, animação de rua e um estúdio da RTP, preparado para emissões especiais.

De 4 a 12 de maio estará de portas abertas das 10h00 às 00h00. A entrada é gratuita, no entanto a organização alerta que estará sujeita à capacidade do recinto.

A programação paralela à do Festival da Eurovisão visa, de acordo com a organização, envolver a população da cidade e os turistas com o festival e o centro histórico.

Programada pelo radialista Henrique Amaro e gerida em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa, inclui concertos de artistas portugueses, atuações de participantes no Festival da Eurovisão e tributos a grandes nomes da música nacional.

O espaço inclui ainda street food, com uma zona lounge e de sombras, e stands dos patrocinadores e parceiros do evento.

Consulte aqui a programação

créditos: Eurovisão

4 de maio

A inauguração do espaço, já esta sexta-feira, estará a cargo dos Beatbombers (dupla formada por DJ Ride e Stereossauro), campeões mundiais de ‘scratch’, que atuarão a 12 de maio na Altice Arena, durante a final do concurso.

5 de maio

Neste dia, o Eurovision Village recebe a "Lisbon at Night" (Lisboa à Noite, em português), que terá Moullinex como anfitrião. O espetáculo reunirá músicos DJs, bailarinos, artistas visuais e performers para celebrar uma Lisboa contemporânea, plural, virada para o mundo e,  sobretudo, dançante.

6 de maio

No domingo, o Terreiro do Paço acolhe três tributos a artistas portugueses, que foram apresentados pela primeira vez na edição deste ano do Festival da Canção: um tributo a Carlos Paião, preparado por JP Coimbra e Nuno Figueiredo, outro às Doce, da responsabilidade de Moullinex, e um outro a Simone de Oliveira, organizado por Nuno Feist com Áurea e Marisa Lins.

Nesse dia, quem se deslocar à Eurovision Village poderá ainda acompanhar, através de um ecrã gigante, o evento "Blue Carpet" (Passadeira Azul), de apresentação dos concorrentes, que irá decorrer no Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT), também em Lisboa.

7 de maio

Na véspera da primeira semifinal, a Eurovision Village acolhe a "Atlantic Night" (Noite Atlântica), com atuações do angolano Waldemar Bastos e da Banda do Mar, que junta os brasileiros Marcelo Camelo e Mallu Magalhães e o português Fred Ferreira.

8 de maio

Neste dia poderá assistir à transmissão da primeira semifinal da Eurovisão.

A Eurovisão de A a Z: Tudo o que precisa saber para viver o Festival
A Eurovisão de A a Z: Tudo o que precisa saber para viver o Festival
Ver artigo

9 de maio

No denominado "Dia da Europa", a Orquestra Metropolitana de Lisboa irá apresentar "Os Maiores Clássicos Europeus”. Esta é uma oportunidade para ouvir ao vivo o Hino da Eurovisão.

10 de maio

Neste dia poderá assistir à transmissão da segunda semifinal da Eurovisão.

11 de maio

No penúltimo dia do espaço, sobem a palco os Orelha Negra seguidos de Capicua, que estará acompanhada da sua Guerrilha Cor-de-Rosa, composta por Blaya, Ana Bacalhau, M7 e Marta Ren.

12 de maio

O dia de todos os sonhos. A grande final do Festival Eurovisão da Canção será transmitida em direto.

Seguindo a tradição de outros países anfitriões da Eurovisão, pela Eurovision Village passarão alguns dos concorrentes do evento. Ao Diário de Notícias, Henrique Amaro, o responsável pela sua programação, partilhou que até ao final do mês de abril já havia cerca de 30 países inscritos. A programação oficial ainda não foi revelada, mas alguns dos participantes já anunciaram a sua presença nas redes sociais, entre eles Amaia y Alfred (Espanha), Alexander Rybak (Noruega), Saara Aalto (Finlândia), Benjamin Ingrosso (Suécia), Ari Ólafsson (Islândia) e Rasmussen (Dinamarca).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.