A 9.ª edição do Rock in Rio Lisboa irá acontecer nos dias 19, 20, 26 e 27 de junho de 2021, no mesmo local, o Parque da Bela Vista, anunciou hoje a vice-presidente executiva do Rock in Rio, Roberta Medina, num vídeo partilhado nas páginas do festival nas redes sociais.

Não só será "inédito" adiar uma edição do Rock in Rio, como será a primeira vez que o festival se realiza dois anos consecutivos no mesmo país. Já que a 10.ª edição em Lisboa irá realizar-se em 2022, retomando os anos pares.

"Houve uma hora em que precisámos de tomar uma decisão", explicou ao SAPO24 acrescentando que "foi mais cedo do que qualquer outro promotor" face ao tempo de montagem necessário para erguer a Cidade do Rock.

A decisão e o anuncio foram "dois momentos diferentes". "O momento da decisão é um momento de muita frustração. O momento da comunicação é um momento de muito respeito, mas acima de tudo de otimismo, de alimentar a esperança", disse por telefone.

Roberta Medina conta que "temos de ver este reagendamento como uma consequência de alguma coisa muito mais séria que está a acontecer". Ela que já tinha admitido, na semana passada, que o festival estava a "a estudar soluções alternativas".

"Espero que em setembro me dê aquele gostinho de arrependimento de 'devia ter feito em setembro' (...) Isso seria um sinal de que as coisas já estarão muito melhores e que a vida voltou ao normal", diz. No entanto, reconhece, "nada garante que adiar para setembro seria viável".

Relativamente à reação do público, Roberta Medina classifica-a como "muito positiva, concordando com a decisão". Nesta fase o "querem saber como é que vai funcionar, se os artistas se mantêm". Respostas que a organização do Rock in Rio Lisboa ainda não tem para dar, mas que espera ter "em breve". Para já, e já o tinha sido referido em comunicado,  o que se sabe é que os bilhetes adquiridos para 2020 "são válidos para a próxima edição".

Por agora, o desejo é que "o verão chegue vibrante, alegre e que possamos encher as salas de teatro, os concertos, as praças, a praia e tudo mais". "Temos de continuar a cumprir o nosso papel. A música e o entretenimento está aqui para marcar positivamente a sociedade e trazer alegria", termina.

Para a edição deste ano do Rock in Rio Lisboa estavam confirmados, entre muitos outros, Foo Fighters, The National, The Black Eyed Peas, Post Malone, Duran Duran, Anitta, A-ha e Bush. Camila Cabello, que também estava entre as confirmações, já tinha anunciado o adiamento da digressão que iria trazê-la a Lisboa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.