Aquela central sindical escolheu o Minho para assinalar o Dia do trabalhador, usando uma das zonas verdes da cidade para "conviver e falar do país", segundo disse à Lusa um dos participantes no evento.

Perto do local da festa, estão estacionadas as habituais camionetas que transportaram os convivas de vários pontos do país e segundo disse à Lusa fonte da organização, está confirmada a presença de representantes de vários partidos políticos.

Ao longo do dia haverá música, comida, estando as intervenções políticas dos líderes da UGT marcadas para o início da tarde.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.