De acordo com a GNR, a ação foi desencadeada pelo Comando Territorial de Leiria, através do Posto Territorial de Porto de Mós, no decorrer de uma investigação pelo crime de posse ilegal de arma de fogo, que culminou numa busca domiciliária.

Nesta operação, a GNR deteve um homem de 57 anos por posse ilegal de armas de fogo e apreendeu 22 armas de guerra e 12 de caça da Classe C e D, 10 armas de defesa pessoal da Classe B e B1 e uma arma transformada.

Foram ainda apreendidas 4.951 munições de vários calibres, 12 sabres, sete miras telescópicas, nove granadas de mão e gás pimenta, uma mina antipessoal, dois lança granadas e duas bazucas, além de 10 armas brancas e oito catanas.

Na operação foram também apreendidos diversos componentes de armas de fogo – carregadores, percutores, molas, coronhas, fustes, punhos, gatilhos e granadas.

Segundo a GNR, o detido foi constituído arguido e sujeito a termo de identidade e residência.

Esta operação contou com o apoio da Unidade de Intervenção da GNR, da Polícia de Segurança Publica de Leiria e do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Leiria.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.