“Cinco dos casos foram diagnosticados no âmbito dos testes de despiste realizados a passageiros provenientes do exterior à chegada e após o sexto dia de permanência da região” e correspondem a dois homens, de 32 e 47 anos, e três mulheres com idades entre os 21 e os 43 anos, adianta a Autoridade de Saúde Regional, em comunicado.

Há ainda um caso de um homem, de 39 anos, que “corresponde a um contacto próximo de alto risco de um caso positivo da cadeia de transmissão registada na ilha de São Miguel, que havia obtido resultado negativo nos testes de despiste realizados após viagem ao exterior e após identificação como contacto próximo de alto risco”.

O comunicado destaca que “a infeção foi diagnosticada no período de possível incubação (14 dias) do vírus SARS-CoV-2, tendo-se revelado fundamental o cumprimento do isolamento profilático como medida de contenção da disseminação e propagação da doença ao nível local”.

“Todos os casos apresentam situação clínica estável” e já foram tomadas as habituais diligências, garante a Autoridade de Saúde Regional.

Nas últimas 24 horas foram realizadas na região 2.319 análises de despiste à covid-19.

Os Açores somam assim, atualmente, 24 casos positivos ativos, sendo 21 em São Miguel, dois na Terceira e um no Pico.

Desde o início do surto da região, registaram-se 202 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-Cov-2, que causa a doença covid-19, registando-se 16 mortes e 150 recuperações.

Há, ainda, vários casos de pessoas que foram diagnosticadas com covid-19 no arquipélago, mas que regressaram a Portugal continental.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.