De acordo com o Instituto, os distritos de Évora, Castelo Branco, Aveiro e Portalegre vão estar sob ‘Aviso Laranja’ entre as 21:00 de hoje e as 05:00 de sexta-feira devido à persistência de valores baixos da temperatura mínima.

O ‘Aviso Laranja’ é o segundo mais grave de uma escala de quatro, é emitido devido a uma situação meteorológica de risco moderado e elevado.

O IPMA colocou também os restantes 14 distritos de Portugal continental sob ‘Aviso Amarelo’ desde as 23:00 de terça-feira e até às 05:00 de sexta-feira devido ao tempo frio.

O 'Aviso Amarelo', segundo menos grave de uma escala de quatro, refere-se a uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Segundo o Instituto, as temperaturas vão descer a partir de hoje em Portugal continental devido a uma massa de ar continental mais fria e seca, segundo o IPMA.

Na sequência da massa de ar fria, a temperatura mínima deverá descer entre 04 e 06 graus Celsius e a máxima entre 07 e 09 graus.

O IPMA prevê para hoje no continente tempo frio com céu pouco nublado ou limpo, vento fraco a moderado de nordeste, soprando forte, com rajadas até 70 quilómetros por hora, nas terras altas, em especial até ao fim da manhã.

A previsão aponta também para a formação de geada, em especial nas regiões do interior e para uma descida de temperatura, que será acentuada.

Em Lisboa as temperaturas vão variar entre 03 e 12, no Porto entre 01 e 11, em Vila Real entre -3 e 05, em Viseu entre -3 e 06, em Bragança entre -6 e 04, na Guarda entre -6 e 02, em Castelo Branco entre 0 e 06, em Coimbra entre 01 e 08, em Portalegre entre -2 e 04, em Santarém entre 01 e 10, em Évora entre -1 e 08, em Beja entre 0 e 08, em Faro entre 03 e 12 e em Aveiro entre 01 e 10.

Duas barras fechadas nos Açores

Duas barras dos Açores estão hoje fechadas à navegação e outras três no continente estão condicionadas devido à previsão de agitação marítima forte, de acordo com informação disponível na página da Marinha na Internet.

Segundo a Marinha, as barras do Corvo e Santa Cruz das Flores, nos Açores, estão fechadas a toda a navegação por causa da agitação marítima forte.

No continente, a barra da Póvoa de Varzim está condicionada a embarcações com calado superior a dois metros e em Vila do Conde as embarcações devem navegar apenas duas horas antes e depois da preia-mar.

Em São Martinho do Porto, a barra está condicionada devido a assoreamento, pelo que a navegação deve ser feita com cautela e a barra praticada apenas na preia-mar.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.