Esta é a primeira reunião pessoal entre os dois dirigentes desde a entrada em funções de Von Der Leyen em dezembro, e Boris Johnson deverá enfatizar a determinação do seu governo em concluir as negociações com Bruxelas para um ambicioso acordo de comércio livre “ambicioso” até ao final de dezembro.

Está previsto o Reino Unido sair da UE a 31 de janeiro, mas o acordo de divórcio negociado por Boris Johnson com a UE em outubro passado garante um período de transição de 11 meses, em que se mantém a liberdade de circulação de pessoas, bens e serviços.

A legislação para ratificar o acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE), atualmente em debate na especialidade na Câmara dos Comuns, determina que não pode existir qualquer extensão do período de transição.

O primeiro-ministro britânico já fez saber que, para o futuro relacionamento com o bloco europeu, não quer um acordo de comércio livre baseado no alinhamento com as regras europeias para poder negociar com maior liberdade acordos com outros países.

O ministro britânico para o Brexit, Stephen Barclay, e o negociador da UE, Michel Barnier, vão participar em parte da reunião.

Além do encontro, Ursula Van der Leyen vai dar uma palestra de manhã na universidade London School of Economics intitulada “Velhos amigos, novos começos: construindo outro futuro para a parceria UE-Reino Unido”.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.