Marcelo Rebelo de Sousa disse que a proposta não consta da declaração final desta cimeira da CPLP, mas foi aprovada por aclamação, e adiantou que foi feita pelo Presidente do Brasil, Michel Temer.

O chefe de Estado português fez este anúncio numa conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro português, António Costa, declarando: "Desta cimeira também saiu uma proposta concreta para que o português passe a ser uma língua oficial nas Nações Unidas".

Já à saída da conferência de imprensa, o Presidente da República esclareceu que essa resolução "não consta da declaração [final]" da cimeira de Brasília, "mas foi aceite também, por aclamação".

Tratou-se de uma "proposta, aliás, do Presidente Michel Temer, logo no início", acrescentou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.