Em Inglaterra e Portugal, foi um domingo para se disputar a última jornada dos respetivos campeonatos e saber quem fica, desce ou conseguiu o almejado lugar europeu.

Já em Itália não se fecharam ainda as classificações, mas foi tempo de coroar oficialmente um campeão pré-anunciado. Segue então uma pequena síntese do que se passou ao nível do desporto-rei.

Liga Portuguesa 

O que esteve em jogo durante a 34.ª e derradeira jornada da edição mais longa de sempre do campeonato português? Ontem, os clubes que vão à Europa. Hoje, quem se mantém no principal escalão do futebol português. Fora destas contas ficaram o FC Porto — já campeão e a cumprir calendário —, ao passo que o Benfica entrou em campo a saber que já não saia do 2º lugar.

  • Europa. Braga agarra o 3.º lugar, Sporting cai do pódio com a derrota na Luz frente ao rival. O futuro parece ser risonho, mas ontem prevaleceu um conjunto mais experiente do Benfica durante o dérbi que relegou os leões para a 4.ª posição. Ruben Amorim garantiu na conferência de imprensa no final do jogo que não se arrepende de ter trocado o Minho por Lisboa — e diz estar preparado "para a guerra" na próxima época.
  • Na outra face da moeda, os Guerreiros ganharam aos campeões nacionais no Municipal de Braga e acabaram com chave de ouro uma época atípica para quem termina em terceiro, com quarto (!) treinadores — e um que até foi para Alvalade e acabou por ficar atrás da ex-equipa.
  • A fazer companhia a Sporting e Braga na Liga Europa está o Rio Ave. Os vila-condenses beneficiaram do empate 3-3 do Famalicão no Funchal, com o Marítimo, mas venceram no Bessa com um ‘bis’ do iraniano Taremi — que volta a mostrar capacidade para outros voos. Todavia, António Silva Campos, presidente do clube, já veio salientar que "está assumido" que Carlos Carvalhal "não vai continuar no Rio Ave".
  • Luta pela manutenção. Tondela e Vitória de Setúbal ficam na I Liga. Mais um ano até à última, mais um ano em que o Setúbal teve de sofrer a bom sofrer para garantir a permanência. A realidade é que nada disso importa para os adeptos sadinos que saíram à rua para festejar o feito.
  • Tanto o Tondela como o Vitória de Setúbal venceram na negra, escapando à despromoção, algo que acabou por condenar o outro envolvido na luta pela manutenção: o Portimonense. Fim de linha para o clube algarvio, hoje despromovido à II Liga, depois de três épocas consecutivas no escalão principal do futebol português, apesar da vitória na receção ao Desportivo das Aves, por 2-0.
  •  "Parabéns a este grupo, são uns heróis por termos conseguido acabar o campeonato, que era muito importante", afirmou Nuno Manta Santos, técnico do Aves, na conferência de imprensa após a derrota em Portimão. E, depois de tudo o que se passou, mesmo com a descida, os parabéns são mais do que merecidos para os jogadores que ficaram até ao fim mesmo com todas as adversidades das últimas semanas.
  • O campeonato chegou ao fim, mas a época só termina no próximo sábado, dia 1 de agosto, quando FC Porto ou Benfica levantarem o troféu da Taça de Portugal.

Premier League

Foi uma azáfama de futebol. Se na liga portuguesa os jogos foram disputados entre sábado e hoje, em Inglaterra foi tudo à mesma hora e no mesmo dia. Ou seja, dez jogos às 16h00 para decidir as contas finais do principal escalão inglês de futebol. Houve espaço para goleadas (5-0 do Manchester City ao relegado Norwich) e vitórias que não foram suficientes para garantir a manutenção (o Bournemouth bateu o Everton, mas precisava da vitória do West Ham diante o Aston Villa, algo que não se verificou).

  • O Manchester United (com golo de Bruno Fernandes) e o Chelsea asseguraram a Liga dos Campeões depois de garantirem os três pontos na última jornada de 2019/20. Desta feita, fazem companhia ao Manchester City e Liverpool na liga milionária. Pelo meio, o Liverpool de Jurgen Klopp, que também venceu, igualou o registo de 32 vitórias numa só época do City de Pep Guardiola.  
  • O Tottenham, orientado por José Mourinho, que pegou na equipa com o campeonato já a decorrer e na 14ª posição, assegurou o 6º lugar e garantiu a segunda pré-eliminatória da Liga Europa. Mou, no final, estava feliz e, bem ao seu estilo, enfatizou que o clube "seria quarto classificado" se só fossem contabilizados os resultados conseguidos desde a sua chegada em novembro último.
  • Wolves, de Nuno Espírito Santo, ainda pode sonhar com a participação nas competições europeias na próxima época, através de duas vias: vencer a atual edição da Liga Europa e garantir o acesso direto à fase de grupos da Liga dos Campeões ou então esperar que o Chelsea vença o Arsenal na final da Taça de Inglaterra para conseguir a vaga de acesso à segunda prova mais importante da UEFA.
  • Também há data para o início da próxima época: 12 de setembro 2020.

Serie A

A probabilidade era grande para que acontecesse hoje se lançassem os confetti. O champagne ficou no frigorífico a meio da semana via inesperada derrota contra a Udinese, mas foi algo momentâneo que só adiou o inevitável. Hoje, ao bater a Sampdória numa vitória caseira, a Velha Senhora de Turim conquistou o seu trigésimo sexto título.

  • A Sampdoria até conseguiu entrar bem, mas quando há um jogador do calibre de Ronaldo em campo as coisas podem mudar num ápice. E foi o que aconteceu quando o capitão da seleção portuguesa marcou o seu 31.º golo na prova em 32 jogos antes das equipas recolherem aos balneários. No final, mesmo perto dos 90', ainda falhou um penálti, ao mandar uma bomba à barra. Um azar que não apaga a sua importância num dia de festejo maior.
  • O domínio da Juventus na Serie A italiana não é de agora, mas até ao século XXI nunca tinham ganho mais do que cinco títulos numa década ou nove em duas. Porém, este domingo acabou por conseguir o feito de ganhar nove de seguida. É todo um outro nível.
  • Não é para qualquer um. Celebrar 30 títulos na carreira em Espanha, Itália e Inglaterra e até na seleção. Mas aparentemente é para Cristiano Ronaldo. E pensar que tudo começou em 2002 com a vitória na Supertaça Cândido Oliveira frente ao Leixões.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.