Começa a haver meia-noite, e a haver sossego,
Por toda a parte das coisas sobrepostas,
Os andares vários da acumulação da vida...
Calaram o piano no terceiro-andar...
Não oiço já passos no segundo-andar...
No rés-do-chão o rádio está em silêncio...

Vai tudo dormir...

Escreveu-o Álvaro de Campos, heterónimo de Fernando Pessoa. Mas hoje não é assim; hoje, o poema não se cumpre.

Começa a haver meia-noite pelo mundo, mas não há sossego. É 2019 que fica para trás e 2020 atira-se para a frente.

Continuam as coisas sobrepostas e a vida a acumular. Vamos fazendo contas e mais contas. É mais um ano!

Os pianos e tudo o que sirva para celebrar 2020 já se fazem ouvir. Os passos lentos transformam-se em saltos de alegria. Rádios e televisões vão fazendo a contagem decrescente. Para nós, ainda faltam umas horas. E só se dorme amanhã.

Até lá, vamos vendo as imagens de outros sítios. São diferentes formas de celebrar. Nova Zelândia, Austrália, China, Hong Kong, Malásia, Taiwan, Indonésia. E por aí fora. A cor marca o rebentar do Ano Novo, mais ou menos atribulado.

Em Portugal, a última noite do ano vai ser assinalada pelo país com música e fogos de artifício, mas também com trânsito cortado, mau tempo nos Açores e temperaturas quentes na Madeira. Ao mesmo tempo, em Londres, quando soarem as 12 badaladas, o Big Ben faz ouvir os seus carrilhões. E não deixamos de pensar: o que trará o próximo ano ao Reino Unido? E à restante Europa? E ao mundo?

Chega 2020, mas continuamos a falar de 2019. Lembramos quem já não está. Dissemos adeus a Agustina Bessa-Luís, mas os seus livros ficam; despedimo-nos de José Mário Branco, mas continuamos a ouvi-lo. Russi Taylor já não dá mais voz a Minnie Mouse, mas fica para sempre. A lista de quem nos deixou é extensa, em diferentes áreas. E pode ler tudo aqui.

O ano que se aproxima a passos largos traz datas que não podemos esquecer. Amanhã vai ter oportunidade de consultar uma agenda completa aqui no SAPO24 mas, para já, deixo-lhes três para despertar a curiosidade:

  • 2 de março de 2020: Abertura dos Arquivos Vaticanos referentes ao Pontificado de Pio XII. O Papa Francisco decretou que os arquivos da era da Segunda Guerra Mundial, do Papa Pio XII, acusado por alguns de não falar o suficiente sobre o holocausto, abrem a investigadores a partir desta data.
  • 25 de abril de 2020: Chico Buarque Recebe o Prémio Camões, na data em que se assinala a Revolução dos Cravos em Portugal.
  • 6 e 9 de agosto de 2020: 75 anos do bombardeamento atómico de Hiroxima e Nagasáqui. Na manhã de 6 de agosto de 1945, um avião americano com o nome "Enola Gay" largava a primeira bomba atómica numa cidade japonesa, Hiroxima. O segundo projétil, bomba de plutónio chamada "Fat Man", foi lançada sobre Nagasáqui no dia 9 de agosto.

Daqui a umas horas é outro ano. Continuaremos a celebrar tudo o que foi e o que vai ser, porque todos os dias a vida acontece. Quanto a mim, sou a Alexandra Antunes e hoje o dia está a ser assim, de festa pelo mundo.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.