“Neste momento, segundo dados recolhidos ontem [quarta-feira], há 32 casos ativos nesta freguesia”, disse.

De acordo com o autarca, o encerramento da escola é nesta altura “pouco relevante” perante a situação que se vive naquela freguesia, uma vez que os alunos entravam em período de férias na sexta-feira, perdendo apenas dois dias de aulas.

No entanto, o autarca sublinhou que o encerramento da escola foi uma medida tomada pelas autoridades de saúde por “precaução”, uma vez que há alunos “identificados com casos positivos”.

Nuno Mocinha explicou ainda que o rastreio junto da comunidade continua a ser efetuado e à medida que têm realizado esses mesmos testes têm surgido casos.

“Ontem [quarta-feira] ainda fizemos o rastreamento com testes rápidos no lar de Terrugem, porque estamos convencidos de que podem derivar daí alguns casos positivos”, acrescentou.

Na sexta-feira está prevista a realização de mais testes na comunidade, estando a Câmara de Elvas “a seguir”, com “cuidado redobrado”, a situação epidemiológica naquela freguesia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.