Na terça-feira, as forças ucranianas destruíram um helicóptero, cinco veículos aéreos não tripulados (drones), cinco mísseis e seis aviões inimigos, elevando para 100 o número de aviões das forças de Moscovo abatidos desde o início da invasão russa da Ucrânia.

De acordo com Ihnat, os militares ucranianos infligiram na terça-feira "perdas significativas ao inimigo no ar".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.