O segundo comandante da PSP de Viana do Castelo, Raul Curva, afirmou que a situação se encontra "normalizada" depois de a Unidade de Inativação de Engenhos Explosivos da Unidade Especial da PSP do Porto ter tomado "todos os procedimentos de segurança exigidos neste tipo de caso e ter verificado que a mala se encontrava vazia".

Esta tarde, pelas 15h30, a PSP fechou fechava o trânsito na Avenida Combatentes da Grande Guerra, em Viana do Castelo, devido a uma mala "suspeita", abandonada junto à Caixa Geral de Depósitos (CGD), disse o 2.º comandante da PSP local.

À Lusa, Raul Curva explicou que a PSP de Viana do Castelo encerrou a Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, bem como parte da rua pedonal Manuel Espregueira, que é uma lateral àquela avenida principal.

O alerta da mala suspeita tinha sido dado às autoridades pelas 13:30, dando conta de que estava abandonada junto ao edifício da CGD de Viana do Castelo.

As suspeitas levaram mesmo a que a equipa de intervenção de engenhos explosivos do Porto, da PSP, tivesse de intervir.

A Avenida dos Combatentes da Grande Guerra de Viana do Castelo é uma das zonas com vários estabelecimentos comerciais, restauração, bancos e empresas e nesta altura época alta do ano enche de turistas e emigrantes de férias que querem participar na Festa da Nossa Senhora da Agonia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.