Esta nova infraestrutura de saúde, situada na cidade de Odivelas, funciona desde o dia 27 de dezembro do ano passado, mas só foi inaugurada oficialmente hoje, numa cerimónia em que participaram o primeiro ministro, António Costa, e a ministra da Saúde, Marta Temido.

O centro de saúde integra duas Unidades de Saúde Familiar (USF), a do Mosteiro e a do Cruzeiro, e tem capacidade para servir 41.800 utentes, tendo representado um investimento de 1,4 milhões de euros, suportados pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), Câmara Municipal de Odivelas (30%) e por fundos comunitários (50%).

A Câmara Municipal de Odivelas refere que este novo equipamento permite a reorganização das unidades de saúde das freguesias de Odivelas, Ramada e Caneças, contando com uma equipa de 16 médicos, 16 enfermeiros, quatro assistentes técnicos e quatro assistentes operacionais.

As duas USF existentes no edifício contemplam 39 gabinetes de consulta médica e de enfermagem, seis salas de tratamento e um gabinete de saúde oral.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.