Sanna Marin venceu neste domingo, com uma margem apertada, a votação para substituir Antti Rinne, que renunciou na terça-feira, após ter perdido a confiança do Partido do Centro, aliado na coligação governamental, devido à forma como geriu uma greve dos Correios.

Sanna Marin, vice-presidente do partido e ministra dos Transportes, anunciou estar disponível na sequência desta crise e acabou por sair hoje vitoriosa.

"Temos muito mais trabalho a fazer para recuperar a confiança", disse Marin à imprensa esta noite.

"Nunca pensei em minha idade ou género. Penso nas razões pelas quais entrei na política e naquelas coisas pelas quais ganhei a confiança do eleitorado", acrescentou.

Marin tornou-se assim a líder de governo mais jovem do mundo, à frente do primeiro-minitro ucraniano, Oleksiy Honcharuk, que tem 35 anos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.