Yury Gazinsky, aos 12 minutos, Denis Cheryshev, aos 43 e 90+1, Artem Dzyuba, aos 71, e Aleksandr Golovin, aos 90+4, apontaram os tentos da seleção da casa, que não tinha somado qualquer triunfo em 2014 e, desde o fim da União Soviética, nunca ultrapassou a fase de grupos.

O outro encontro do agrupamento está marcado para sexta-feira, em Ecaterimburgo, entre o Egito, de Mohamed Salah, e o Uruguai, de Luís Suárez, Edinson Cavani, do portista Maxi Pereira e do ‘leão’ Coates, a partir das 17:00 locais (13:00 em Lisboa).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.