Agora é oficial. Depois do Sporting ter rescindido por mútuo acordo com Silas, a direção de Frederico Varandas confirma agora a contratação de Rúben Amorim, técnico de 35 anos que pertencia aos quadros do Sporting de Braga.

Depois de especulações quanto à alienação das percentagens dos passes de alguns jogadores leoninos para o negócio, o Sporting confirma agora à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários que pagou o valor da cláusula de rescisão de Rúben Amorim, 10 milhões de euros.

Segundo a CMVM, a negociação das ações, suspensa na quarta-feira, depois de Silas ter anunciado a saída do comando técnico dos ‘leões’, foi retomada “na sequência da divulgação de informação relevante”.

A confirmação põe fim aos rumores, apesar de Rúben Amorim ter previamente dito desconhecer um alegado interesse do Sporting. O técnico já tinha sido anunciado como o sucessor de Silas pelo próprio, quando este admitiu na conferência de imprensa depois da derrota com o Famalicão, na terça-feira, 3 de março que esse seria o seu último jogo.

Rúben Amorim dá assim um novo passo na carreira de treinador, depois de se ter tornado o técnico da equipa sénior do Sporting de Braga a 27 de dezembro do ano passado, sucedendo a Ricardo Sá Pinto.

De acordo com os 'leões', além destes três nomes, a equipa técnica da equipa principal de futebol contará ainda com os treinadores Emanuel Ferro e Tiago Ferreira.

Rúben Amorim torna-se no quarto treinador dos 'leões' esta temporada, sucedendo a Silas, a Leonel Pontes e a Marcel Keizer.

O ex-jogador iniciou o seu percurso de treinador em 2018 no Casa Pia, mas a sua estadia foi atribulada devido a um castigo da Federação Portuguesa de Futebol, aplicado por ter dado indicações para o campo quando ainda era "treinador estagiário", pois tinha apenas o Grau I do curso de treinador de futebol e que portanto estava impedido de desempenhar as funções de treinador principal.

Rúben Amorim é o "novo Mourinho" que o Sporting não quer arriscar perder
Rúben Amorim é o "novo Mourinho" que o Sporting não quer arriscar perder
Ver artigo

A dureza da punição levou-o a abandonar o clube lisboeta no início de 2019, mas Rúben Amorim voltou a assumir uma equipa no início da presente temporada, tomando o comando da equipa B do Sporting de Braga, com Micael Sequeira, o seu adjunto, a fazer as vezes de treinador principal, já que ainda detinha apenas o Grau II do curso de treinador de futebol.

Com a demissão de Ricardo Sá Pinto, Rúben Amorim foi promovido ao lugar de treinador principal. O técnico de 35 anos herdou uma equipa no 10.º lugar do campeonato, a 21 pontos do primeiro classificado. Agora, o treinador deixa os bracarenses na 3ª posição, com 43 pontos, diminuindo o fosso para 16 pontos.

Rúben Amorim venceu ainda uma Taça da Liga, derrotando o Sporting e o FC Porto na final four da competição, sendo que para o campeonato conseguiu também três vitórias sobre os três grandes. Ao todo, nos 13 jogos em que liderou os guerreiros, o Sporting de Braga venceu 10 jogos, empatou uma partida (contra o Gil Vicente) e perdeu os dois embates contra o Rangers nos 16avos da Liga Europa, tanto em casa como fora.

Na sua carreira de jogador profissional, Rúben Amorim assumiu-se como um médio polivalente, vestindo as cores do Belenenses, SL Benfica, Sporting de Braga e o Al-Wakrah, do Qatar.

Pelos encarnados, o ex-jogador venceu três campeonatos nacionais, uma Taça de Portugal, cinco Taças da Liga e uma Supertaça. Rúben Amorim venceu ainda uma Taça da Liga com o Sporting de Braga.

Este é o comunicado da CMVM:

"A SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD (adiante Sporting SAD ou Sociedade) vem, nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º-A do Código dos Valores Mobiliários, informar o mercado que chegou a acordo com a Sporting Clube de Braga – Futebol, SAD para a contratação dos treinadores Rúben Amorim, Adélio Cândido e Carlos Fernandes, pelo valor de € 10.000.000,00 (dez milhões de euros).

Os referidos treinadores, conjuntamente com os treinadores Emanuel Ferro e Tiago Ferreira, integrarão a nova Equipa Técnica da equipa principal de futebol da Sporting SAD, que assim fica constituída por:

- Rúben Amorim

- Emanuel Ferro

- Adélio Cândido

- Carlos Fernandes

- Tiago Ferreira"

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.