A campeoníssima portuguesa, campeã olímpica da maratona em 1988, foi a melhor do escalão mais de 60 anos – tem 61 – e cumpriu os quatro quilómetros da prova em 15.14 minutos, à frente de Pauline Moran, da Irlanda (15.26), e de Maria Lorenzini, de Itália (16.24).

No total de todos os escalões, foi quarta, só superada por atletas veteranas mais novas.

Rosa Mota também está inscrita em Veneza nas corridas dos 10 quilómetros em estrada e também nos 10.000 metros.

Em Veneza, Portugal já assegurou, em quatro dias, um total de 20 medalhas, das quais 10 de ouro, ocupando o sexto lugar no quadro de medalhas.

Hoje, também foram campeões Bernardino Pereira (M80, 10.000 metros), Joaquim Figueiredo (M50, corta-mato) e a seleção de corta-mato de M50, com Joaquim Figueiredo, Domingos Barros e António Costa.

Os Masters europeus de atletismo prosseguem em Veneza até ao próximo domingo.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.