O ‘timoneiro’ da equipa minhota nas duas épocas anteriores tinha um contrato válido até junho de 2022 e aceitou prolongar o vínculo por mais um ano, confirmou hoje o emblema ‘azul e branco’, numa cerimónia realizada na Casa da Cultura Joaquim da Costa Chicória, em Vizela.

O técnico, natural da cidade da Lixa, no concelho de Felgueiras, vai estrear-se no escalão maior do futebol português em 06 de agosto, em Lisboa, frente ao campeão nacional Sporting, no jogo que abre a I Liga de 2021/22, após ter alcançado duas subidas pelos vizelenses em duas temporadas consecutivas.

Na época 2019/20, Álvaro Pacheco conduziu os minhotos à liderança da Série A do Campeonato de Portugal, com 60 pontos, ao cabo de 25 jogos, até a prova ser interrompida em março de 2020, face à pandemia de covid-19.

Promovido à II Liga, por liderar uma das séries do Campeonato de Portugal à data da interrupção, o Vizela alcançou a segunda posição no escalão ‘secundário’ na época passada, com 66 pontos, após 34 jogos, e garantiu o regresso à elite do futebol nacional, 37 anos depois de ter competido nesse patamar pela única vez na sua história (época 1984/85).

Após ter iniciado a carreira de técnico principal na época 2011/12, ao serviço do Lixa, então na Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto, Álvaro Pacheco foi treinador adjunto de Miguel Leal no Penafiel (2012/13 e 2013/14), no Moreirense (2014/15 e 2015/16) e no Boavista (2016/17 e 2017/18), antes de voltar à liderança de uma equipa, o Fafe, no Campeonato de Portugal, em 2018/19.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.