“Não há novidades legislativas, temos o compromisso de conter o défice” em 2,4%, disse o vice-presidente do Governo e ministro do Desenvolvimento, Luigi Di Maio, após uma reunião do Conselho de Ministros na qual ficou acordada a resposta a dar à Comissão Europeia, que será enviada pelo ministro de Economia, Giovanni Tria.

O executivo de coligação do Movimento Cinco Estrelas e da ultradireita Liga reafirmou os números terça-feira à noite, poucas horas antes de expirar o prazo dado por Bruxelas, que era à meia-noite local (mais uma hora em Lisboa), para que Itália apresentasse outras previsões.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.