Atualmente, produtores de veículos e empresas tecnológicas disputam para criar carros totalmente autónomos, embora exista pelo meio a preocupação com a segurança destes sistemas robóticos.

O fundador da Tesla fez estas revelações numa conversa no Twitter, respondendo a um utilizador que se queixava de problemas com o Autopilot, um sistema ainda semiautónomo, pois requer a presença de uma pessoa atrás do volante durante todo o tempo.

Musk disse que a atualizada "Versão 9", que estará disponível em agosto, ajudará a resolver vários problemas: "Até este momento, todos os recursos do Autopilot foram focados na segurança. Com a V9, começaremos a implementar características totalmente autónomas".

O CEO da Tesla não deu mais nenhum detalhe sobre a atualização.

Autoridades americanas estão a investigar acidentes que envolvem veículos autónomos, especialmente dois que deixaram vítimas fatais.

Musk queixou-se do destaque que se dá aos acidentes e insiste que os sistemas são mais seguros que condutores humanos.

"É muito mau que um acidente que envolveu um veículo da Tesla e que teve como consequência um passageiro com um tornozelo partido ocupe as primeiras páginas dos jornais e que as aproximadamente 40 mil pessoas que morreram no ano passado em acidentes de trânsito nos Estados Unidos não recebam quase nenhuma cobertura", disse no mês passado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.