“A saída de Benjamin Cymbra do projeto requererá um novo olhar sobre o mesmo. Queremos continuar a fazer música em discos e ao vivo e voltaremos em breve com boas perspetivas de um futuro diferente, mas igualmente válido”, refere a banda, num comunicado hoje divulgado pela empresa de agenciamento e produção cultural Fado in a Box, no qual anuncia “pausa em busca de uma nova voz para o projeto”.

Nos Alexander Search, cujo álbum de estreia, homónimo, foi editado em 2017, o cantor Salvador Sobral era Benjamin Cymbra. A banda conta ainda com Júlio Resende/Augustus Search (piano), Joel Silva/Mr. Tagus (bateria), Daniel Neto/Marvell K. (guitarra) e André Nascimento/Sgt. William Byng (eletrónica).

O gatilho para a criação da banda foi um livro da poesia inglesa de Fernando Pessoa. O nome do projeto é também o nome de um dos heterónimos ingleses de Fernando Pessoa, “pessoa inspiradora” para o pianista e compositor Júlio Resende.

“Uma vez comprei um livro da poesia inglesa de Fernando Pessoa, fiquei muito tocado e muito perturbado com o que li, e inspirou-me para trazer ao de cima uma ideia antiga de ter uma banda de rock, com letras em inglês”, contou Júlio Resende, em entrevista à agência Lusa, em julho de 2017.

A estreia da banda ao vivo aconteceu em 13 de julho desse ano no festival Super Bock Super Rock, em Lisboa, embora o projeto já tivesse atuado em novembro de 2016, na Casa Fernando Pessoa, no encerramento do ciclo “Dias do Desassossego”.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.