Dois barcos russos "dispararam contra a frota da Marinha ucraniana", declarou a Marinha de Guerra da Ucrânia última em comunicado, no qual indica que uma embarcação perdeu o rumo e que há um ferido.

Os disparos acontecem após um dia de tensão em frente à Crimeia. O navio ucraniano afirma que um navio russo chocou com um barco ucraniano do mesmo grupo e, em seguida, impediu a passagem ao Mar de Azov através do Estreito de Kerch.

"Na saída do estreito, os russos usaram armas contra um navio do Exército ucraniano. Há uma pessoa ferida a bordo. A Marinha de Guerra ucraniana ofereceu ajuda", disse o representante do presidente ucraniano para a Crimeia, Boris Babin.

"Atualmente, as Forças Armadas do Estado agressor estão a capturar os navios do Exército ucraniano", declarou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.