A formação algarvia cedo começou a construir o triunfo, com o golo do brasileiro Fabrício Simões, aos 14 minutos, jogador que 'bisou' aos 37, enquanto o seu compatriota Cassio Scheid, aos 45+1, levou a sua equipa a vencer por três golos de diferença ao intervalo.

Os avenses ainda esboçaram uma reação no arranque da segunda metade, com um tento do brasileiro Wellinton Júnior, aos 47, mas o polaco Adam Dzwigala, aos 54, e o brasileiro Fabrício Santos, aos 63, acabaram com qualquer aspiração da equipa visitante, que amenizou a goleada aos 88, igualmente por Wellinton Júnior.

Além do Desportivo das Aves, a terceira ronda da Taça fez já outras três 'vítimas', depois das eliminações do Sporting na quinta-feira, com derrota em Alverca por 2-0, e de hoje do Vitória de Guimarães, batido em casa do Sintra Football por 4-2, no desempate por grandes penalidades, e do Tondela, que perdeu na visita ao Feirense por 3-0.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.