O piloto luso, que garantiu a passagem direta à segunda fase da qualificação (Q2), realizou a sua melhor volta com o tempo de 1.31,566 minutos, terminando a 0,499 segundos do mais rápido e autor da ‘pole position’, o francês Fábio Quartararo (Yamaha), atual campeão do mundo.

Miguel Oliveira tinha sido o oitavo na terceira sessão de treinos livres, em que os pilotos não melhoraram os seus registos de sexta-feira.

A quarta sessão, em que os pilotos fazem as afinações para a corrida, ficou marcada pelo incidente que envolveu o espanhol Alex Rins (Suzuki) e obrigou à interrupção da sessão depois de a sua mota se ter incendiado numa das escapatórias do circuito indonésio de Mandalika.

Alguns dos favoritos, como o italiano Francesco Bagnaia (Ducati), ou os ex-campeões espanhóis Marc Márquez (Honda) e Joan Mir (Suzuki), foram obrigados a passar pela primeira fase de qualificação (Q1), com Márquez a cair duas vezes com duas motas diferentes, não indo além do 15.º posto final.

Na Q2, Miguel Oliveira foi dos primeiros a sair para a pista, estabelecendo o melhor tempo na fase inicial da sessão.

No final, Fábio Quartararo acabou por levar a melhor, com o tempo de 1.31,067 minutos, deixando o segundo classificado, o espanhol Jorge Martin (Ducati) a 0,213 segundos, com o francês Johann Zarco (Ducati) em terceiro, a 0,311 segundos.

Esta foi a primeira ‘pole position’ conseguida pelo vigente campeão desde o Grande Prémio da Catalunha, em junho de 2021, uma prova conquistada por Miguel Oliveira, naquela que foi a sua terceira e mais recente vitória em MotoGP.

O sétimo lugar na grelha de partida para a corrida de domingo, marcada para as 15:00 locais (07:00 em Lisboa), foi o melhor resultado de Miguel Oliveira em qualificação desde o quinto lugar no GP da Emilia Romagna, antepenúltima prova do Mundial de 2021.

Para Quartararo, esta foi a 19.ª ‘pole’ da carreira, 16.ª na categoria ‘rainha’.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.