Esquema de cores

Pedro Madeira Rodrigues: "Jorge Jesus não será o meu treinador"

Este artigo tem mais de 3 anos
Em causa está o facto de o treinador do clube de Alvalade ter aceitado integrar a Comissão de Honra de Bruno de Carvalho, recandidato ao cargo de Presidente do Sporting Clube de Portugal.
Pedro Madeira Rodrigues:

Pedro Madeira Rodrigues anunciou esta sexta-feira, 20 de janeiro, que Jorge Jesus será demitido caso este vença as eleições do Sporting. O candidato à presidência do clube de Alvalade critica o atual treinador dos leões por este ter aceitado integrar a Comissão de Honra de Bruno de Carvalho, revelando ainda que já está à procura de um nome para ser o novo timoneiro do Sporting.

"Na nossa opinião, Bruno de Carvalho não devia ter feito o convite, nem Jorge Jesus o devia ter aceitado. O foco de Jorge Jesus não deve ser as eleições, mas sim a equipa. Jorge Jesus escolheu um lado e isso tem consequências. Ele não será o meu treinador a partir do dia 4 de março, quando tomar posse como presidente do Sporting. Vou procurar de imediato um treinador que possa servir o Sporting, voltar às vitórias e que seja ganhador", disse o candidato à presidência leonina.

Reafirmando a sua confiança de que em março será o novo presidente dos leões, Madeira Rodrigues disse ainda acreditar que, caso vença, Jorge Jesus apresente a demissão, admitindo que ainda não pensou em nenhum nome em concreto para comandar a sua equipa de futebol profissional.

" [Jorge Jesus] Era o meu treinador. Acreditei que podia enquadrar Jesus no nosso projeto, mas assim estou mais liberto para procurar a pessoa que vai trazer vitórias para o Sporting. A partir do momento em que Jesus disse que só ia trabalhar com Bruno de Carvalho, obviamente que em coerência ele vai apresentar a sua demissão. Jorge Jesus é um homem de caráter e vai cumprir. Vou começar a procura, mas não tenho nenhum nome. Quero um treinador com um perfil ganhador, que viva os ideais do Sporting e que saiba apostar no Sporting ", disse o candidato que desafia a liderança de Bruno de Carvalho.

As eleições à presidência leonina terão como contexto um período de maior turbulência dentro do clube com a equipa profissional de futebol a não ter conseguido alcançar os resultados desejados. Atualmente, o Sporting ocupa a quarta posição do campeonato, a dois pontos do Braga, terceiro classificados. Os leões já foram, inclusive, afastados das competições europeias, Taça da Liga e Taça de Portugal.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Veja também

 
 

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa , as nossas notificações ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.
mookie1 gd1.mookie1