Segundo escreveu Oleksandr Tarnavski na plataforma de mensagens Telegram, a Rússia continua a tentar cercar a localidade de Avdivka perto de Donetsk, capital da região com o mesmo nome, com ataques terrestres e aéreos persistentes, mas as tropas ucranianas mantêm as posições.

De acordo com o relatório do Estado-Maior ucraniano de segunda-feira, Avdivka continua a ser a zona onde os confrontos na linha da frente são mais intensos. Na área à volta da cidade, as tropas ucranianas terão repelido cerca de 30 ataques russos no último dia.

“Os soldados ucranianos mantêm as suas posições e estão a infligir baixas massivas aos ocupantes”, referiu o relatório.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.