O trinco da seleção, totalista nos três jogos, acusou dores musculares e parou, por precaução, até porque é o único ‘seis puro’ no lote de 23 convocados de Fernando Santos, face à lesão de Danilo há alguns meses.

Raphael Guerreiro, que também fez o pleno até agora, e Gelson Martins, que no triunfo 1-0 sobre Marrocos substituiu Bernardo Silva aos 59 minutos, foram reintegrados depois de na quarta-feira terem sido poupados e submetidos a exames médicos.

O calor persiste no centro de treinos do FC Saturn, 50 quilómetros a sudeste de Moscovo, levando Fernando Santos a observar o início da sessão numa sombra mais distante.

Com os guarda-redes Rui Patrício, Beto e Anthony Lopes a evoluir à parte, com Fernando Justino, a treinar o jogo de pés, os restantes elementos apenas realizaram corrida e exercícios físicos nos 15 minutos abertos à comunicação social.

A seleção de futebol voa na sexta-feira para Sochi, onde se estreou na competição, com 3-3 frente à Espanha, sendo que Fernando Santos e um jogador farão no Estádio Olímpico Fisht a antevisão ao encontro com o Uruguai.

A equipa vai trabalhar ainda em Kratovo e não realizará qualquer pronto em Sochi.

Portugal e Uruguai disputam um lugar nos quartos de final no sábado às 21:00, 19:00 em Lisboa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.